terça-feira, 2 de outubro de 2012

Saudável, mas bom.

Tenho andado a alimentar-me de forma saudável. Mas, para mim, saudável não pode significar peixe cozido em água e sal nem bife grelhado quase todos os dias. Saudável tem de ter sabor. Só assim me conseguirei manter na linha e resistir a (muitos) excessos. Este prato, apesar de saudável, foi comido com prazer. Os legumes ficaram al dente, a contrastar com a suavidade do peixe e com a textura estaladiça da planta do gelo. Eis a prova de que o saudável não tem de ser monótono.

Abrótea com legumes a vapor e azeite de manjericão

Ingredientes (para dois):
2 filetes de abrótea com pele
2 limas
2 colheres de sopa de folhinhas de tomilho-limão
flor de sal (da Casa do Sal da Figueira da Foz, a quem agradeço a amabilidade :)
pimenta preta
3 dentes de alho, esmagados
4 colheres de sopa de azeite
2 cenouras
4 batatas
planta do gelo, para guarnecer
azeite de manjericão: uma colher de chá de vinagre, 3 colheres de sopa de azeite virgem extra, 1 colher de sopa de folhas de manjericão, 1 dente de alho, flor de sal e pimenta (triturei tudo na Bimby, mas podem fazê-lo com a varinha mágica). 

Uma hora antes, temperei o peixe com o sumo das limas, o tomilho, a flor de sal e a pimenta. 
Cortei as batatas e as cenouras em pedaços e cozi-os a vapor (usei a Bimby).
Numa frigideira, aqueci o azeite. Juntei os alhos e o peixe. Deixei cozinhar, virando o peixe com cuidado, para que não se desfizesse nem perdesse a pele. 
Em cada prato, coloquei batatas e cenouras e, sobre estas, um filete. Guarneci com raminhos de planta do gelo e reguei tudo com o azeite de manjericão.



23 comentários:

  1. tens toda a razão, saudável sim mas com muito sabor e isso não faltou neste prato, que para além de fazer bem, enche os olhos e o palato de sabor.
    bjs

    ResponderEliminar
  2. Parece-me bem. Onde arranjo flor de sal e planta do gelo? Tu usas muito, pelo que tenho visto, e eu nunca sequer provei. Bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Luís. Flor de sal arranjas nos hipermercados ou em lojas gourmet. Este foi-me oferecido pela Casa do Sal da Figueira da Foz. A planta do gelo, na Biofontinhas, mas acabou a época dela. Agora, só na primavera.
      Beijinhos

      Eliminar
  3. Acho muita piada a esta planta do gelo mas nunca a vi em lado algum. Pode dar uma dica de onde a encontrar?
    Obrigada,
    Likas

    ResponderEliminar
  4. Está com um aspecto bem apetitoso! Tenho que encontrar flor do gelo, nunca vi à venda por estes lados

    ResponderEliminar
  5. Olá Ilídia!
    Perfeita harmonia de sabores!
    Sobre a planta do gelo também gostava de saber mais:)
    Beijinho e boa semana.

    ResponderEliminar
  6. Olá Ilídia:)
    Sabes, gosto muito de te ler, embora não comente muitas vezes, pois gosto de o fazer com calma e o tempo nem sempre tem sido meu amigo, mas sempre que posso espreito aqui o teu espaço. Bem, há dias em que saio daqui mesmo a rir-me, então aquele da equação (acho que foi assim - da dieta) foi mesmo espirituoso, nem imaginas como me revi:)) Entre outros, também adorei o dia em que arrumaste o escritório e o dia em que aliviaste o stress com um novo par de sapatos, simplesmente maravilhosos.:D
    Eu também ando a combater a balança, mas nem sempre é fácil e comer todos os dias só sopas e saladas, cozidos e grelhados é bonito, mas não é duradouro.
    Concordo com a tua forma de encarar a dieta e gostei da tua sugestão, saudável mas boa. Porque é assim que deve ser e adorei a forma como aromatizaste esse peixinho! Gostei do azeite de manjericão, hei-de experimentar!
    Desculpa o testamento:)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Alice, muito obrigada pelo "testamento" :) Gostei de o ler :) Eu também leio muitos blogues (incluindo o teu) e raramente deixo comentários. O ritmo apressado dos meus dias não o permite. Fico contente por os meus posts te provocarem sorrisos :)
      Beijinhos

      Eliminar
  7. Saudável sem sabor é saudável? Olha que tenho as minhas dúvidas :) Tem de saber bem, claro e ter boa cara também. Este teu prato tem :)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tens razão. Não é! É do mais doentio que há :)
      Beijinhos

      Eliminar
  8. Olá Ilídia, partilho da mesma opinião. Tento fazer uma alimentação saudável durante todo o ano, o que não significa monotonia ou falta de prazer à mesa.
    Engraçado que tenho destinado para amanhã abrótea.
    Gostei do aspecto do teu prato, e fiquei curiosa com a planta do gelo!?
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
  9. Mais uma excelente prova de que comer saudável é comer com sabor e com prazer. E é tão simples que não percebo porque mais pessoas não fazem o mesmo!
    Também quero flor do gelo!!!! (é o meu momento de birra)

    ResponderEliminar
  10. Eu sou mais uma que tenta comer saudavel mas com sabor. Ninguem consegue comer só cozidos e grelhados por si só. Há que estimular os sabores e o aspecto, porque os olhos tambem comem. E este prato ficou mesmo mesmo como gosto. Ah e sou mais uma que so conhece a planta do gelo daqui. Bjs

    ResponderEliminar
  11. Uma excelente opção, e um excelente exemplo que uma refeição saudavel tb pode ser saborosa e bonita!

    ResponderEliminar
  12. Hummm fiquei com água na boca com essa imagem.Beijos e tudo de bom.

    ResponderEliminar
  13. Mesmo sem provar, bom, muito bom mesmo.

    ResponderEliminar
  14. gostei imenso da proposta. Planta do gelo?
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  15. Ora nem mais Ilídia :)
    Eu também adoro comer de maneira saudável (guardo excessos para o fim-de-semana) mas com sabor e sem monotonia. Ando a tentar ver se perco o que ganhei no verão...com os petiscos e gelados!!
    Aqui está a prova dum prato delicioso e aromático, gostei muito.
    A planta do gelo é tão linda e elegante... :)
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
  16. Já percebi que muitos de vós estão curiosos em relação à planta do gelo. Eu própria não conheço muito acerca dela. Só a encontro na Biofontinhas, a quinta biológica que frequento há alguns anos. Creio que não será muito fácil de arranjar/ cultivar. Para quem quiser pesquisar mais, deixo o nome em inglês e francês: "ice plant" e "ficoïde glaciaire", respetivamente. Pode ser que tenham sorte e a consigam encontrar. Para quem mora na Terceira, é só esperar pela primavera e procurá-la na Biofontinhas.
    Beijinhos e obrigada pelos vossos comentários.

    ResponderEliminar
  17. Minha linda! Esta tua paparoca está com um aspeto divinal (e tu percebes porque digo isto nesta fase) Ontem prevariquei. Hoje tenho iogurte e fruta para o jantar. Iupiii!
    Um abraço.
    P.S- Que belo fim de semana que já estamos tendo!A Nadine veio mesmo a calhar!;)

    ResponderEliminar
  18. Eu faço o mesmo, quando tenho que fazer dieta tempo colocar muito aroma nos meus pratos ou então fico num estado de depressão que só penso em comida que eu chamo do "demo" :) Ficou lindo o teu peixinho e já agora boa dieta espero que corra bem pois as minhas acabam por ter uma duração muito curta :) beijo

    ResponderEliminar
  19. Mais uma vez, acho essa planta fantástica :) Já vi que tenho que esperar pela primavera então... deve dar aos pratos um sabor e textura diferente.
    A abrótea está com mt bom aspecto e tb sou das que concordo plenamente com a ideia que uma dieta não deve nem pode ser monótona, pois podemos cair mais facil e rapidamente em tentações. A tua receita é uma excelente ideia de como a comida pode ser saudavel sem ser monótona e sem sabor.
    Obrigada pela partilha, pois tb tenho que entrar no regime...
    Beijinhos

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Acerca de mim

A minha foto
O Acre e Doce é um blogue que celebra a vida de casa, principalmente os momentos passados à volta da mesa. É um blogue de coisas que nos fazem felizes, sejam uma refeição, um filme, um livro ou um ramo de flores frescas.