domingo, 20 de novembro de 2016

De volta. E uma receita de massa.

Estou de volta. Depois de duas semanas fora, regressei a casa. Depois de muitas viagens, muitos aeroportos, muitas pessoas, muitas experiências, voltei ao meu lugar. Malas desfeitas, roupas arrumadas, presentes oferecidos, beijos e abraços dados, aulas preparadas. Um destes dias, conto-vos por onde andei. Hoje não dá. Estou a aproveitar a minha casa, os meus rapazes, o meu domingo de outono.


Deixo-vos um prato reconfortante que combina com estações frias. Gostei muito do contraste entre a massa cremosa e o crocante de pão e ervas, conhecido pelo "parmesão dos pobres". Gosto especialmente destes pratos que nasceram da necessidade de alegrar as refeições em casas onde os alimentos escasseavam.
Estas fotografias estavam guardadas há algum tempo e lembrei-me delas depois do jantar de hoje, composto por alguns dos souvenirs que trouxe. Até porque, não tarda nada, sobras de queijo é o que não vai faltar cá em casa.

Massa com queijo e pangritata
(adaptada desta receita do Jamie Oliver)

Ingredientes para três:
3 colheres bem cheias de queijo-creme
100 g de sobras de queijos (que, de preferência, incluam queijo azul)
200 g de esparguete
azeite virgem extra a gosto

Para a pangritata:
2 pedaços de pão rústico
1 dente de alho
1 haste de alecrim (ou outra erva a gosto)
5 nozes
azeite a gosto




Preparação:
Começar pela pangritata: tostar ligeiramente o pão e colocá-lo num robot de cozinha. Juntar o dente de alho, o alecrim e as nozes e triturar tudo (não triturei muito, pois gosto de sentir os pedaços). Numa frigideira, colocar um pouco de azeite e tostar esta mistura durante cerca de 5 minutos.
Levar ao lume uma caçarola com água e, sobre esta, colocar uma tigela de vidro com os queijos e o queijo-creme. Quando estiverem derretidos, retirá-los do lume e reservar. Entretanto, cozer a massa, em água temperada com sal. Quando estiver cozida, escorrê-la, reservando 1 chávena da água da cozedura. Misturar a massa com os queijos derretidos e, se necessário, acrescentar alguma da água da cozedura. 
Em cada prato, servir uma porção de massa, polvilhada com a pangritata.



4 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Acerca de mim

A minha foto
O Acre e Doce é um blogue que celebra a vida de casa, principalmente os momentos passados à volta da mesa. É um blogue de coisas que nos fazem felizes, sejam uma refeição, um filme, um livro ou um ramo de flores frescas.