segunda-feira, 19 de setembro de 2011

Recomeçar

As aulas já recomeçaram. Já retomámos as rotinas: na véspera, preparar pasta, mochila do Manel, pô-lo na cama a horas, depois dos dentinhos lavados (para não ficarem amarelos e feios, mãe?) e de lida a história, sempre escolhida por ele e pelo ursinho Tico; de manhã, tomar pequeno-almoço (pão integral, torrado, e café preto, simples, que panquecas são luxos reservados para o fim de semana) dar pequeno-almoço ao Manel, levá-lo ao colégio (já sem lágrimas, felizmente :), conduzir 20 minutos e entrar na sala, onde me esperam os meus alunos que, se tudo correr bem, este ano completarão o Ensino Secundário. Depois de um dia de aulas, mais 20 minutos de carro, vou buscar o Manel. Portou-se bem? Comeu bem? Voltamos a casa e preparo o jantar, enquanto o pai lhe dá banho. Jantamos lá fora. Há que aproveitar os últimos dias de verão. Ouvem-se os foguetes da festa aqui ao lado, no Porto Martins. Hoje é dia de procissão. Na Terceira, a "ilha sempre em festa", as festas de verão só acabam no outono :)


Costeletas de porco com molho cremoso de alho francês e bacon
Ingredientes (para 3):
3 costeletas de porco
1 colher de sopa de azeite
1 alho-francês às rodelas
150 g de bacon aos pedaços
2 dentes de alho fatiados
30 ml de vinho branco
1 colher de chá de mostarda de dijon
150 g de natas light

Preparação:
Aqueça uma frigideira grande em lume médio. Pincele cada costeleta com azeite e tempere com sal e pimenta. Cozinhe por 4 a 5 minutos de cada lado até estar cozinhada no interior. Retire da frigideira e transfira para um prato. Mantenha quente, cobrindo com papel de alumínio.
Adicione o alho francês, na mesma frigideira e cozinhe por 3 a 4 minutos até começar a ficar dourado. Junte o bacon e deixe ao lume por mais 3 minutos ou até ficar estaladiço. Adicione o alho e cozinhe mais  1 minuto. Junte o vinho, a mostarda e as natas. Tempere com sal e pimenta e deixe o molho borbulhar por uns minutos. Adicione umas gotas de água se estiver espesso de mais.

Servi as costeletas sobre arroz de legumes e esparregado (confesso, fiz batota, usei esparregado congelado), regadas com o molho. Acompanhei com um copo de vinho branco (quem disse que com carnes só se pode beber tinto? Estava calor, ainda é verão e apeteceu-nos vinho branco).

Fonte: Receita ligeiramente adaptada de Dias com Mafalda, de Mafalda Pinto Leite, Casa das Letras



17 comentários:

  1. E que belos fins de tarde amiga, e que belo manjar, adorei....bjokinhas amiga e um bom ano lectivo

    ResponderEliminar
  2. Essa rotina é um pouco parecida com a minha e suspeito com a de muitas mulheres...
    São rotinas que nos habituamos mas ás quais podemos dar sempre um toque especial, no teu caso o "jantar cá fora"...no meu ida á praia depois da escola ainda se consegue!

    Essas costeletas estão apetitosas...

    Bjoka
    Rita

    ResponderEliminar
  3. Olha, é curioso que já me tinha posto a pensar na rotina. Este ano tem sido diferente porque estou de licença de maternidade e quando regressar ao trabalho em vez de um 'voltar' à rotina vai ser antes um 'estabelecer' uma nova rotina.
    Essas costeletas estão diferentes mas muito apetitosas :)

    ResponderEliminar
  4. Pois é amiga, já começou a nossa rotina. Tem que ser! Uns dias serão melhores que outros, mas espero que o ano letivo seja muito produtivo para todas nós.
    Ainda sabe bem aproveitar os restos de verão comesses jantares no jardim...(parece que esse desejo está dificil de se concretiszar para mim!) com esses sabores maravilhosos.
    Gostei da tua sugestão e o esparregado, lá por vezes também compro, pois desenrrasca nestes dias.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Olá Ilídia
    Na minha opinião as pessoas catalogam a rotina como algo negativo. Não tem de ser necessariamente assim. E a sua rotina parece-me boa, serena e de chegar ao final do dia com o sentido de concretização. Eu vivo a minha rotina assim, com um sentimento de gratidão. Um beijinho e boa semana!
    Guida

    ResponderEliminar
  6. Que pratinho delicioso! E que bom desfrutá-lo junto da família ao ar livre.
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
  7. Conseguir desfrutar dum jantarinho desses no jardim já é muito bom. :)

    Bom recomeço, que tudo corra bem.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  8. Olá, Ilídia!Sei bem o que isso é, dos dias rotineiros do início de aulas e trabalho! mas arremataste bem o dia com este jantar fora! É uma espécie de reserva para as longas noites de Inverno que virão...
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  9. Definitivamente em curso, a rotina. Mas com os rituais inventados que a resgatam de todas as elaborações mentais menos boas. Como a imagem deste jantar. Com verde que se adivinha, numa ilha que é de festa até ao Outono.
    Comida que significa o bom de chegar a casa. Foi isto que vi na imagem que partilha, minha querida Ilídia. Comida de casa. Comida de mãe.

    Um beijo da Mar.

    ResponderEliminar
  10. Obrigada a todas pelos vossos comentários, pelas vossas partilhas. O regresso à rotina faz com que haja menos tempo para dedicar ao meu e aos vossos blogues. É inevitável. Um beijinho

    ResponderEliminar
  11. O mês de Setembro é o mês do recomeço... E é bom quando as nossas rotinas, ainda que cansativas, são serenas e felizes. Chegar a casa e estar com os nossos é um enorme tudo.
    Babette

    ResponderEliminar
  12. Aparecer hoje e a esta hora só evidencia o pouco tempo que tenho tido para dedicar às cozinhas da nossa blogosfera.Desculpas-me de certeza a minha fraca assiduidade. Esta palavra assiduidade mostra mesmo que o ano letivo já começou :(
    Este prato agradou-me muito. Gostei em especial do toque que o alho francês e a mostarda devem ter conferido.
    Um beijo
    Patrícia

    ResponderEliminar
  13. um parece ser muito bom, depois da uma passadinha la no meu blog!
    http://prepararprovarpostar.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  14. Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

    ResponderEliminar
  15. Um prato delicioso, excelente para um bom fim de dia! Bj
    Paula

    http://1toquedecanela.blogspot.pt

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Acerca de mim

A minha foto
O Acre e Doce é um blogue que celebra a vida de casa, principalmente os momentos passados à volta da mesa. É um blogue de coisas que nos fazem felizes, sejam uma refeição, um filme, um livro ou um ramo de flores frescas.